Catégories
Sem categoria

FIAC PARIS 2017

A primeira dama francesa Brigitte Macron dá as boas vindas aos expositores da maior Feira de Arte Contemporânea da Europa.- 44a Edição FIAC – Grand Palais de 19 á 22 de Outubro 2017.

Brigitte acampanhada por seus assessores e seguranças observa cada obra de arte com atenção

Os artistas Gilber e Geor autografam catálos para seus fãs.

FIAC – Feira de Arte Cantemporânea estará aberta hoje, quinta-feira,19/10 ao pública até domingo, 22 com 193 Galerias de 30 países, entre eles o Brasil. Este ano a FIAC ganhou mais 41 novos expositores de 7 países ( Egito, Kosovo,. Noverge, Portugal, Suécia, Singapura e Tunisia) O evento acontece no Grand Palais – 3 Avenue du Général Eisenhower, 75008 Paris. « Metro linha 1 »

Edna Abreu

Jornalista

Correspondente – Paris-FR

Catégories
Uncategorized

Djavan – VIDAS PARA CONTAR- Sucesso de Público no Casino do Estoril

 

 

 Uma plateia calorosa no Casino do Estoril, nesta terça-feira,07 de Novembro, recebeu e apladiu o artista brasileiro, Djavan e sua banda.

Djavan carinhosamente agradece ao público e fala sobre o titulo do concerto  » Vidas para Contar »!

 

 

 O sucesso da apresentação com os demais componentes da banda – Djavan apresernta cada um de seus músicos.

 

 Em sua ultima apresentação no Casino do Estoril, de seus três concertos em Portugal, Dajavan deixa uma linda mensagem da cultura brasileira na Europa, através de seu talento. O alagoano, cantou sua história através da múcica e deixa saudades …

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Catégories
Uncategorized

DJAVAN – « VIDAS PARA CANTAR » 7 Nov. CASINO DO ESTORIL

 

 

O artista brasileiro Djavan fará três espetáculo inéditos em Portugal.

4 NOV – Campo Pequeno – Lisboa –  6 NOV. -Coliseu do Porto – 7 de NOV. no Cassino do Estoril.

 O concerto apresenta um repertóro de canções do elogiado álbum “Vidas Pra Contar”, 23º álbum da carreira do artista, além de sucessos de sua discografia.

Um dos mais proclamados compositores da música popular brasileira, Djavan volta a Portugal em Novembro, para apresentação do seu novo álbum, « Vidas Pra Contar” (23º trabalho discográfico do artista).

Além de canções do novo disco, aclamado pela imprensa especializada, o repertório do espetáculo inclui também sucessos antigos, como « Flor de Lis », « Linha do Equador », « Lilás », « Eu Te Devoro » entre muitos outros.

Catégories
Uncategorized

ZELIA DUNCAN & ZECA BALEIRO – EUROPA 2016

 

 

 

Os Artistas brasileiros, Zélia Duncan e Zeca Baleiro, que já dividiram o palco  no Brasil, apresentam agora um espetáculo só deles no continente Europeu.

Após a turne em seu pais de origem, chegou  a vez do  público português e inglês conhecerem de perto o mais novo sucesso da carioca, Zelia, e do maranhense Zeca.


Numa junção de vozes graves para interpretar canções do repertório afetivo de cada um, rebobinar canções autorais e mostrar as suas parcerias.

O resultado do trabalho musical de dois ilustres compositores brasileiros chega a Portugal em Outubro, mais precisamente, na cidade do Porto, 7, Lisboa, 8 e Londres,8.


Maiores infornmaçoes 

GRUPO CHIADO

http://www.grupochiado.com/grupo


Catégories
Uncategorized

5a Feijoada VIB – Gala Hilton Park Hotel

 

A integração profissional e cultural de brasileiros e alemães realizaram pela quinta vez consecultiva, o mais autêntico evento de cultura brasileira na Europa.  A festa de gala  foi realizada no Hilton Hotel Park em Munich. sábado, 24 de Outubro, contou com a presença de dezenas de convidados.

  

 A gaucha Rosani Erhart Schlabitz e Simone Weissmann  a baiana » Autra do Projeto Feijoada VIB » e sua equpe de empresárias do « Mercado VIB ».Katia Panzer, Gisela, Silvia Hacker, Telma Viliod, Simone weissmann, Rotraut Hoffmann, Graca Oliveira,Ivanita Godoy, Rosangela de Almeida. Frente; Rosani Erhart Schlabitz, Louisa Monteiro, Jasemin, Terseinha De Deus, Juliana Long.

 

Por trás de cada empresa uma história de superação … sucesso que o público da Feijoada Vib teve a oportunidade de conhecer no Hilton Park Hotel

 

« Querer é poder… » Assim a empresária brasileira, Simone  Weissmann, iniciou seu discurso de agradecimento a todos os convidados presente na Gala de Aniversário da 5a Feijoada VIB.

 

 

 O Stand  » Brasileiros Sem Fronteiras » Apresentou ARTE Brasileira em Pinturas; Escltura e Fotografias – Obras dos  artistas; Luisa Monteiro, Nuno Prego e Bruno Pelerin, que estão com seua trabalhos expostos na Exp- Coletiva – « ART SANS FRONTIÉRES – PARIS 2015 – Galeria Lusofolie’s – 57 Av. Daumesnil -75012 – Paris.

 

 Uma noite que certamente ficará gravada na memória de cada convidado presente…

 

 

 Elizabeth Almeida Costa  – Médica – « Estou pela primeira vez na Gala Feijoada VIB, para mim é um pazer vir de Salavador da Bahia para prestigiar a cultuar brasileira na Europa » . Disse a  Elizabete feliz no jantar de Gala – Feijoad VIB Hilton Park  Hotel Munich.


Dr. Irving Lenard Weissmann Simone Weissmann


Uma noite explendida com o tradicional bolo de aniversário de cinco anos da Feijoada VIB – Hilton Park Hotel – Munich. Parabens cantado por Christiane Ruvenal.

 

 






Catégories
Uncategorized

Festa da Independência do Brasil – Lisboa, 7 de Setembro 2015

 


A Embaixada do Brasil em Lisboa comemorou nesta segunda-feira, 07 de Setembro 2015, 193 anos de independência do Brasil. A tradicional festa aconteceu nos jardins da casa do Embaixador Mário Vilalva e Embaixatriz  Vânia Vilalva.
 
Dezenas de convidados compartilharam no jardim da Casa do Embaixador do Brasil em Lisboa o cocktail oferecido por várias empresas de bebidas e alimentos.
 

 
O evento contou com a presença de dezenas de convidados que atentamente ouviram o Embaixador doBrasil em Portugal; Mário Vilauva falar entre outros assuntos da satisfação de receber todos os convidados em sua casa.

 

 

 Presentes na festa, várias autoridades estrangeiras, brasileiras e portuguesas; Entre os ilustres portugueses estava; Dom Duarte Pio de Bragança e esposa; Isabel Inês de Castro Curvello de Herédia de Bragança.

O "famoso" Acarajé da Carol - Sucesso de bom gosto e qualidade...

 As iguarias baianas apreciado por muitos...quem teve paciência entrentou horas na fila, "...mas valeu a pena"  -  Disse-me estes  convidados felizes com seus acarajés em  mãos... !

Caral do Acarajé e sua "Fada Madrinha" - Rita Lopes




Catégories
Uncategorized

Kyaku kyadaff – « Tenho grande admiração pela música Brasileira… »

 

 

 

« A Cultura é Essência do ser Humano » e África tem uma cultura Ímpar … tendo a música como linguagem UNIVERSAL – Kyaku kyadaff é um destes ilustres mensageiros angolanos… Numa conversa especial, falou de seu País, de sua música e o desejo atravessar fronteiras, cantar e encantar fãs em todos os continentes. Atenção os apreciadores de « SEMBA » de LYON -Fr. Le Point.fr dia 1o de Julho – Concerto com Kyaku Kyadaff e seus músicos …entrevista completa em breve..



Catégories
Uncategorized

Vice-presidente do Brasil visita Portugal

 

 

 

Vice-presidente do Brasil Michel Temer esteve em Portugal a convite do vice-primeiro-ministro de Portugal, Paulo Portas, nesta segunda-feira, 20 de Abril, Hotel Tivoli, Lisboa. As autoridades brasileiras e portuguesas participaram do Seminário Empresarial “Brasil-Portugal” onde falaram em diversos assuntos, entre eles os acordos comerciais entre os dois países. 

 

Temer ressaltou que a situação do Brasil está « muito tranquila institucionalmente » e considerou que os protestos contra o governo são fruto do « funcionamento das instituições democráticas ».

 

Após a visita a Portugal o vice-presidente do Brasil Michel Temer seguiu em visita oficial à Espanha.

Catégories
Uncategorized

K-Rio-K – O Brasil dos Anos 20 pelo olhar francês

 

 

 

Está em cartaz em Paris até dia 16 de Abril, o espetáculo: K-Rio-K – Brasil anos 20. Um pouco da história cultural do Brasil contada pelos franceses; Rémy Kolpa Kopaul, David Lescot e o alemão Lukas Hemleb. 

 

No palco quinze talentosos profissionais com a presença marcante de artistas brasileiros, entre eles; Gabriel Grossi – “direção musical e arranjo”, Mariana Moraes a voz que cantou e encantou a plateia, e a meiga paulista Daniela Rezende com seu traje cor das matas brasileira, que para além de apresentar um repertório emocionante, cantou entre outros “ Tico –Tico no Fubá – Zequinha Abreu, imortalizada por Carmen Miranda e Carinhoso de Pixinguinha. Daniela para além de cantar mostrou sua performance na dança com Alexandre.

 

A comédia musical K-Rio-K,   faz um passeio informativo mostrando os 100 anos da independência, instalação de rádio e destaca a música e dança dos anos 20.

Catégories
Uncategorized

Escola de Samba Estácio de Sá é a homenageada do “Carnaval Histórico 2015”

 

Claudinho e Selminha Sorriso


A nata da nova e da velha geração do samba carioca esteve reunida na última terça-feira (10) na quarta edição do “Carnaval Histórico” realizado no Imperator – Centro Cultural João Nogueira, no bairro do Méier (Zona Norte do Rio), para homenagear a escola de samba Estácio de Sá, herdeira da “Deixa Falar” a primeira agremiação do Brasil. 


O evento contou com a participação de personalidades que fizeram parte da história da escola, como o cantor e compositor Dominguinhos do Estácio, uma das grandes vozes que já passou pelo Sambódromo, autor do inesquecível samba-enredo. “Titi do Sapoti” e compositor do samba que a escola vai levar este ano para a avenida. »



Dominguinho do Estacio de Sá


Claudinho e Selminha Sorriso, o casal de mestre-sala e porta-bandeira que brilhou no desfile de 1992, ano em que a vermelha e branca conquistou seu único título no Grupo Especial; Mestre Ciça que esteve à frente da bateria da Estácio entre 1988 a 1997 e foi responsável por torná-la uma das melhores do Carnaval; o mestre-sala Marcinho, neto do lendário mestre-sala Bicho Novo, cujo nome verdadeiro era Acelino dos Santos, um dos fundadores da “Deixa Falar” e da Unidos de São Carlos (atual GRES Estácio de Sá) e Zeca da Cuíca, referência para qualquer cuiqueiro.

Aliás, um dos momentos mais emocionantes da noite foi quando o octogenário Zeca da Cuíca subiu ao palco, tocando o instrumento com a mesma elegância rítmica e virtusiodade que o tornou conhecido no meio musical, para receber das mãos de Carlinhos da Cuíca a placa de homenagem por sua colaboração à agremiação.


Mestre Ciça


Para fechar a noite, Dudu Nobre e Teresa Cristina colocaram o público para sambar ao cantarem sambas inesquecíveis.

Gênesis. Se toda criança chora ao nascer, no caso da escola de samba Deixa Falar o nascimento foi marcado por um grito – o primeiro – de Carnaval. Aliás, o berço não poderia ser mais esplêndido para o pequeno bloco se tornar em 1927 a primeira escola de samba do Brasil: o morro de São Carlos, localizado no bairro do Estácio, juntinho à Praça Onze, que foi o celeiro do mundo do samba. Ali a batucada, o samba e o candomblé se refugiavam da truculência policial nos saraus promovidos na casa de Tia Ciata.


BICHO NOVO (Fto Fábio Silva)

Aliás, o nome (Deixa Falar) foi inventado por um jovem compositor chamado Ismael Silva, quem ao lado de Alcebiades Barcelos (o Bidê), Brancuda, Baiaco, Milton Bastos, Edgard, Marçal Velho foram os responsáveis não só por inaugurar a primeira escola de samba do Brasil, mas por uma revolução inigualável. Criaram um novo tipo de samba, um toar diferente para o maxixe com letra e batucada simples, às vezes, só com um pandeiro que era tido como samba até meados da década de 1920 do século passado.


Surdo. Foi Bidê quem teve a ideia genial de pegar uma lata de manteiga e usá-la como marcação, já que não havia recursos para ajudar a manter o ritmo e a cadência. Segundo relato do compositor Ismael Silva, eles transformaram o “tan tantam tan tantam”, para “bumbum paticumbum prugurundum”, que virou  em 1982 tema do samba-enredo da Império Serrano.

Zeca & Carlinhos da Cuica

Por essa ousadia, esses jovens compositores  foram chamados de “professores” da escola do Novo Samba, analogia a uma escola normal que funcionava nas proximidades.

Mas a presença da Deixa Falar durante o reinado de Momo durou pouco, apenas três anos (1929 a 1931), não participando sequer do primeiro desfile oficial, organizado em 1932 pelo jornal “Mundo Sportivo”.

Mas a primogênita da folia fez escola (vale o trocadilho), pois foi no mesmo berço do morro de São Carlos que surgiram a  “Cada Ano Sai Melhor”, “Vê se pode” e “Paraíso das Morenas” que se fundiram em 1955 para formar a Unidos de São Carlos, escola de samba que durou até 1983, quando foi rebatizada de GRES Estácio de Sá.

 

 Ana Crys – Rio de Janeiro